Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Ciclo Recuperar o corpo - INTERIOR

Ciclo Recuperar o corpo - INTERIOR

Teatro & Arte | Teatro

São Luiz Teatro Municipal

Sub-palco
Classificação Etária
A classificar pela CCE
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2021
nov
13
a
2021
nov
14

Próxima Sessão

13 nov 2021 19:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Duração

60 minutos

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

EGEAC, Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural

Sinopse

Interior, agora isolado ou a solo pela segunda vez, nasceu em 2004 e foi parte de um díptico, Luz/Interior, no qual Rita Só colaborou com Carlos Pimenta e Mónica Calle. O espetáculo propôs-se a uma releitura da dramaturgia de Peter Handke, através da construção de dois monólogos a partir das peças Publikumsbeschimpfung (Insulto ao Público, 1966) e Selbstbezichtigung (Introspeção, 1966). Dois espaços, dois textos, dois encenadores, uma atriz. Introspeção, que inspirou o monólogo Interior, faz parte de um conjunto de textos a que Handke chamou Sprechstücke (Peças Faladas), "dramas sem imagens, na medida em que não fornecem qualquer imagem do mundo. Elas manifestam o mundo não sob a forma de imagens, mas sob a forma de palavras e as palavras destas peças não apontam para o mundo como algo exterior às palavras, mas para o mundo como ele existe nas próprias palavras". Neste canibalismo teatral, inconforme com os convencionalismos dos formatos, cabe à linguagem, o papel principal enquanto material teatral. Adotando um discurso escrito na primeira pessoa do singular, Handke, num enunciar mântrico, infinito e universal, descreve a aprendizagem da vida numa reflexão que contempla o espaço, o tempo, a ação e a inação, o bem e o mal, o individual e o coletivo, o imanente e o transcendente. "O texto Introspecção fala no processo de sociabilização humano, numa aprendizagem de códigos que fazemos. A construção do espetáculo aconteceu a partir da palavra e do seu peso. Existe uma ideia de evolução que é transmitida ao espectador através dos gestos inicialmente rígidos de Rita Só, da sua progressão do escuro para a luz, da sua humanização através da palavra", descreve Mónica Calle.

Ficha Artística

ESPETÁCULO DE Rita Só e Mónica Calle

Preços

  • Geral - 7€

-
Partilhar
Cartão São Luiz

Serviços Adicionais